tera, 21 de novembro de 2017

Brasil no Mundo

Contribuições para a Política Externa Brasileira

receba a newsletter

busca no site

REDE LATINAMÉRICA

Reunião do Conselho do Mercado Comum (chanceleres e ministros da Economia dos países do Mercosul) (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Mercosul busca um norte, e também um oeste

É difícil pensar no fortalecer do Mercosul quando os três países mais relevantes do bloco enfrentam crises políticas internas com efeitos na economia

Cinco chefes de Estado cara a cara, sem a chilena Michelle Bachelet, que não quis ficar para ver o debate sobre o anseio boliviano de saída ao mar.

CÚPULA SOCIAL DO MERCOSUL

10317620_457151671122506_3594117192424095300_o

Avançar no Mercosul com mais Integração, mais direitos e mais participação

Preocupações apresentadas pelos movimentos sociais e representantes da sociedade civil dizem respeito ao avanço de forças conservadoras e de direita que ameaçam a continuidade do bloco

A mensagem para os governos será clara: a sociedade civil exige mais participação, aprofundamento da integração, reafirma a defesa da democracia e nega qualquer tipo de imperialismo, especialmente na forma da dominação econômica.

PORTAL EBC

Reunião do Conselho do Mercado Comum (chanceleres e ministros da Economia dos países do Mercosul) (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Começa hoje 48ª Cúpula do Mercosul em Brasília

A negociação do bloco referente a um acordo comercial com a União Europeia será um dos assuntos de destaque da reunião.

A negociação do acordo de livre comércio entre o Mercosul e a União Europeia, a incorporação da Bolívia como sexto país-membro e a renovação do Fundo de Convergência Estrutural do Mercosul (Focem) serão alguns dos pontos centrais da 48ª Cúpula do bloco regional integrado por Brasil, Argentina, Paraguai, Uruguai e Venezuela, que começa hoje (16), em Brasília.

BRASIL DE FATO

15-07-15_cupula-mercosul-Divulgacao03

Cúpula Social do Mercosul se reúne para debater direitos, participação e integração

Com o tema "Avançar no Mercosul com mais Integração, mais Direitos e mais Participação" foi aberta nesta quarta-feira (15) a 18ª Cúpula Social do Mercosul, em Brasília

A 18a Cúpula Social do Mercosul foi aberta na terça-feira (14) com ampla participação dos movimentos populares para debater a participação da sociedade civil na elaboração de estratégias e políticas de desenvolvimento do bloco. Ao longo de três dias, a programação conta com seminários e debates divididos em três eixos: Mais Integração, Mais Direitos e Mais Participação. Neles, estão temas relacionados a direitos humanos, participação das mulheres no Mercosul, comunicação democrática, entre outros.

CARTA MAIOR

O ministro Manoel Dias participa da reunião de ministros do Trabalho do Mercosul. São tratados temas como:Tráfico de pessoas, trabalho infantil, geração de emprego e trabalho decente (José Cruz/Agência Brasil)

Mercosul: Um novo horizonte?

Acordo firmado entre países do Mercosul inclui pautas trabalhistas entre as prioridades do bloco e aponta novas possibilidades de aprofundamento

A integração latino-americana é um tema que está na pauta de política externa de qualquer governo progressista da região. Entretanto, em meio a crises econômicas e tentativas de desestabilização política dos governantes eleitos democraticamente, a almejada integração deixa de ser prioridade e passa a ser um “objetivo estratégico de longo prazo”. Uma saudável notícia recente […]

OPERA MUNDI

635702742629286728w

Pedido de senadores brasileiros para tirar Venezuela do Mercosul é inviável, dizem analistas

Senadores propuseram retaliações a Caracas após não conseguir visitar o opositor Leopoldo López, nem se encontrar com a oposição do país

Após não conseguir cumprir a agenda política prevista em Caracas, os senadores de oposição brasileiros, liderados pelos tucanos Aécio Neves e Aloysio Nunes, anunciaram, nesta sexta-feira (19/06), que vão pedir ao governo brasileiro a exclusão da Venezuela do Mercosul. No entanto, segundo analistas, a ideia é inviável. O argumento dos senadores — que não conseguiram […]

INTEGRAÇÃO REGIONAL

18659660235_4c6b3c9a96_o

A solução para o Mercosul é aprofundar seus laços

Durante evento na UFABC, participantes defenderam o aprofundamento da integração regional

Ao longo do processo de construção da integração regional no Mercosul, o bloco passou por duas fases cujos marcos principais de orientação estão no Consenso de Washington e, a partir de 2003, no Consenso de Buenos Aires. Agora, o desafio é constituir uma terceira fase, na qual deveria haver a ambição de associar o seu horizonte econômico-comercial ao espaço político da Unasul. É o que defendeu o ministro Miguel Rossetto, Secretário-Geral da Presidência, na tarde desta terça (9) na Universidade Federal do ABC, em São Bernardo do Campo. Ao longo da palestra, os participantes concordaram que a solução para a crise de cunho econômico e político experimentada atualmente é o aprofundamento da integração dentro e, igualmente, associado ao bloco.

OPERA MUNDI

SM15 Peruvian Photo Op with MD and Pres. Jim Yong Kim

Política Externa está em perigo

Os principais veículos da imprensa corporativa, associados a círculos partidários e empresariais, avançam cotidianamente sua agenda para a política externa.

A contraofensiva conservadora espeta garras sobre todas as esferas da sociedade, do Estado e do governo. Seus agentes sentem-se à vontade para encurralar o campo progressista até em setores de pouca dependência parlamentar, como é o caso da diplomacia.

MERCOSUL

Cuidar do Mercosul é cuidar do Brasil e de seus parceiros regionais

O GR-RI convida a todas as entidades preocupadas com a situação atual do Mercosul e as ameaças de retrocesso que têm manifestado recentemente membros dos governos, empresários, políticos e a mídia da região, a aderir a essa nota.

Com alarmante frequência têm surgido na mídia, no Congresso, em âmbitos empresariais e, mais recentemente, na voz de algumas autoridades governamentais opiniões favoráveis à “flexibilização” do Mercosul de modo a transformá-lo em mera área de livre comércio. Há ainda alguns que desejam a própria extinção do bloco.

AMÉRICA LATINA

20150411-dilmaeobama-20150411-2-2800

O contexto internacional e as ameaças ao Brasil e à América Latina

A crise brasileira segue uma dinâmica nacional clara, mas faz parte de uma investida contra o ciclo progressista latino

Os processos históricos nacionais, sobretudo de países do porte do Brasil, (...)